makemake@makemake.com.br

Praia de Botafogo, 316, sala 206

Botafogo - Rio de Janeiro/RJ

Cep 22250-040

Resiliência, Judaísmo e Cultura Organizacional será lançado em São Paulo

November 8, 2011

A capacidade de o indivíduo lidar com problemas, superar obstáculos ou resistir à pressão em situações adversas como choque e estresse é a definição de Resiliência. Todos os seres humanos têm algum grau de resiliência. E foi para descobrir como o comportamento resiliente pode afetar a cultura de uma empresa que a psicóloga e antropóloga Izabella Moreira de Lucena estudou a relação entre Judaísmo, Resiliência e Cultura Organizacional em seu mestrado.

 

O resultado desse estudo foi transformado no livro “Resiliência, Judaísmo e Cultura Organizacional – Inter-relações e Reflexos”. Com linguagem didática, o livro está dividido em três partes: um arcabouço teórico que fundamenta o estudo integrado dos três temas, uma descrição de como as experiências vividas pelos judeus, ao longo da história, intensificaram a resiliência dessa coletividade e o estudo de caso realizado em uma empresa analisado pela autora em sua pesquisa e as conclusões. Um detalhe curioso sobre a autora é que, apesar da dedicação ao tema, ela não é judia, o que confere ao livro um olhar de fora sobre o judaísmo.

 

“É importante entender o conceito de resiliência e aprender que ele pode ser desenvolvido. Todos têm resiliência, uns mais outros menos, mas, há técnicas e estratégias que podem ser desenvolvidas para que cada um possa aprimorar essa capacidade de forma pessoal ou coletiva”, afirma a escritora.

 

No dia 28 de novembro, a partir das 19h, o livro “Resiliência, Judaísmo e Cultura Organizacional – Inter-relações e Reflexos” será lançado na Livraria da Vila do Shopping Pátio Higienópolis, em São Paulo.

 

A noite de autógrafos será precedida de uma palestra da autora Izabella Moreira de Lucena sobre Resiliência Judaica, a nova categoria da Antropologia catalogada por ela durante a pesquisa que baseou o livro.

Antes de São Paulo, o livro foi lançado em Recife, cidade natal da autora, durante a Fliporto 2010, e no Rio de Janeiro na Livraria da Travessa (05/10/11) e no Centro Cultural Midrash (22/11/11).

 

“A qualidade do trabalho de pesquisa e análise abre caminho não apenas para a reflexão acerca da experiência específica dos judeus, mas tem uma abrangência universal. Um livro que aponta do particular ao universal e interessa a todos os que buscam reverter situações de ameaça e desafio em novas possibilidades. Um mosaico que entrelaça instinto e arte, sobrevivência, ação e promove a vida”, afirma o rabino e escritor Nilton Bonder na orelha do livro.

 

Bonder é autor de livros reconhecidos nacional e internacionalmente. Ele é líder espiritual da Congregação Judaica do Brasil e dirige o Centro Cultural Midrash no Rio de Janeiro.

 

Saiba mais sobre o livro e veja as entrevistas que a autora concedeu durante os lançamentos em Recife e no Rio de Janeiro no blog: http://izabellalucena.blogspot.com/

 

 

Please reload

Destaque

Tatiana Maia Lins em lista de líderes sustentáveis

19/08/2019

1/7
Please reload

Recentes
Please reload

Arquivo
Please reload

Tags
Please reload